RockinRio Humanorama - Leia Para A Sua Criança

Leia Para A Sua Criança

Aqui em casa o hábito de leitura com a pequena é firme, não passamos um dia sequer sem ler juntas. Para nós este momento tem a ver com relaxamento, descanso. Desconectamos da rotina, pois a cabeça pede novos horizontes, colocamos as atividades em suspenso e permitimos que a imaginação floresça. 

Sou bastante orgulhosa da nossa coleção de livros infantis que em quase 3 anos já conta com mais de 100 títulos. Metade deles são livros novos, escolhidos com uma dose extra de carinho e cuidado. Mensagens lindas e inspiradoras, histórias que falam de possibilidades, empatia, igualdade, fraternidade, coragem e tantas outras qualidades que quero incentivar na minha filha para que esteja preparada para construir um mundo melhor e mais justo. 

A outra metade são os meus livros da infância, alguns que ganhei quanto também tinha menos de 3 anos e foram guardados com muito afeto. Contos, clássicos, princesas. Nestes as mensagens são bastante confusas. Muitos maus tratos, abandonos, vilões terríveis. Vamos combinar: a vida da Branca de Neve mudou para melhor quando ela passou a trabalhar de graça para 7 anões com uma visão bem dúbia de higiene. Quem quer esse futuro? Sem falar na Bruxa Onilda que dedica um livro inteiro à sua saga em capturar uma macaca que possa lhe fazer todo o serviço doméstico sem que ela precise pagar um centavo. 

Isso tem me levado cada vez mais a refletir sobre o salto de consciência que estamos vendo acontecer. Como boa Millennial, vi toda a discussão aflorada que foi a chegada da minha geração ao mercado de trabalho e como era “difícil colocar esses jovens na linha”. A geração Z já nos acha terrivelmente antiquados e, para mim, nada disso representa uma guerra de gerações, mas sim uma evolução no nível de consciência coletiva. 

Enquanto alguns acham que os mais novos são muito caretas, que não se pode mais fazer piada de nada e que o mundo está ficando chato, eu vejo neles novos cidadãos potentes, crentes do seu poder individual e da sua responsabilidade com o todo. Os vejo mais tolerantes e empáticos que seus antecessores. Tenho grandes expectativas para essas novas gerações. 

Então, faço aqui um convite: vamos todos voltar à nossa infância e reinventar as primeiras histórias e imaginários que nos foram apresentados. Façamos daquela pausa para leitura com os pequenos, uma oportunidade de abordar uma nova perspectiva para nós mesmos. Vamos questionar tudo o que era normal “nos nossos tempos” e aceitar que certas mudanças vêm num caminho de ganhos para todos, uma expansão de consciência.  

Finalizo com a dica do livro Aqui Estamos Nós, do Oliver Jeffers, que é um presente para crianças dos 0 aos 90 anos. 


Assine a nossa Newsletter e entre nessa conversa conosco, aqui.



Avatar - Mariana Lellis
Mariana Lellis

Comunicóloga com MBA em Marketing e 15 anos no mercado. Desde 2010 colabora com o time de Marketing do Rock in Rio com atuação nos mercados do Rio, Lisboa, Madrid e Las Vegas. Extremamente otimista, acredita que pessoas apaixonadas promovem marcas apaixonantes.

Link copied!
Este site não suporta Internet Explorer. Por favor utilize outro browser da sua preferência.