RockinRio Humanorama - Profissão Mãe

Profissão Mãe

Hoje vou dividir com vocês a profissão da qual mais me orgulho e que certamente é a minha maior inspiração para ajudar a construir um mundo melhor: ser mãe! 

Meu sonho, desde pequena, era casar e ter filhos. Eu tinha até a data e hora que queria que meus filhos nascessem! Mas, com o passar dos anos, encontrei uma paixão que não estava no script: o trabalho. Foi amor à primeira vista. Aquela sensação de sonhar e correr atrás para realizar virou o meu vício. Comecei aos 19 anos e nunca mais parei. 

Casei bem nova, ainda no início da minha vida profissional. Trabalhava muito e por muitas horas e acabei não cumprindo com o meu plano original de ser mãe. Não conseguia imaginar como poderia dividir a atenção do trabalho com os filhos e vice versa. Foram 6 anos refazendo planos até que me vi barriguda, entrando e saindo de aviões, trabalhando até 39 semanas de gravidez, quando a Maria chegou para mudar a minha vida para sempre. Dois anos depois nascia o Guilherme e minha vida ficou completa. 

A minha paixão pelo trabalho não diminuiu com a chegada das crianças. Continuei trabalhando como antes, com pontes aéreas semanais, viagens internacionais e reuniões infindáveis. Hoje, olhando para trás, acho que eu tinha medo que o meu amor pelo trabalho diminuísse por conta das crianças e, por isso, nunca deixei que a maternidade interferisse na minha dedicação. Uma bobagem!

Mas ao mesmo tempo, criei um fantasma que passou a me assombrar dia e noite: comecei a me achar uma péssima mãe. Sou brincalhona e a mais criança de todas as crianças, mas nunca tive paciência para pracinha, aula de natação, aulinha de música... ficar ali sentada, junto a um séquito de babás era a maior das torturas e fico feliz em, hoje, admitir isso porque, naquela época, fui parar na terapia! Foram muitas e muitas sessões de terapia até aceitar e concordar (notem a importância dessas duas palavras juntas) que eu era uma mãe executiva, apaixonada pelo trabalho e pelos meus filhos! E mais, que quantidade não é qualidade!  

O processo não foi da noite para o dia – lembrem que falei muitas e muitas sessões! – mas foi e continua sendo muito gratificante. Ver a Maria, aos 5 anos, brincar com as bonecas dizendo que “a mamãe vai viajar para a Itália, mas vai trazer muitos presentes” ou quando ela pediu um laptop da Xuxa de presente para o Papai Noel, me deixou triste na época. Mas hoje, aos 15 anos, ouvir dela que eu “sou a melhor mãe do mundo” ou que ela quer ser como eu quando crescer, me enche de orgulho.

E vou além, meus dois filhos participam diariamente do meu trabalho e da minha vida profissional. Como a maioria dos adolescentes (Maria tem 15 e Guilherme 13), eles são super antenados, comunicativos e ligados nas notícias e tendências mundo a fora. Por isso, viraram o meu laboratório de experimentação. Uso e abuso da opinião deles. Costumo brincar que a empresa que me contrata paga 1 e leva 3! 

Eles adoram o meu trabalho e adoram que eu trabalho. Entendem e concordam com a balança da dedicação. Sabem que em épocas mais tranquilas sou mais atenciosa, nas agitadas, sou menos. Mas uma coisa é fato, eles não têm dúvida de que são a minha prioridade e o meu grande amor e eu sou a mãe mais feliz e realizada desse mundo!


Assine a nossa Newsletter e entre nessa conversa conosco, aqui.



Avatar - Roberta Coelho
Roberta Coelho

CEO e Co-criadora da Game XP, marca que produz o maior evento gamer da América Latina e conteúdos digitais nos pilares de games, música e entretenimento. Desde 2017, o evento da Game XP recebeu mais de 500 mil pessoas e a marca entreteve em suas redes e transmissões mais de 10 milhões. Head of business development do Rock in Rio e ex CFO, ajudou a transformar o festival numa marca global, produzindo o maior evento de música do mundo no Rio de Janeiro, Lisboa e Las Vegas. Atuou como CEO, CFO, Head of Business Development e Diretora Comercial em grandes corporações no Brasil, na Itália e nos Estados Unidos.

Link copied!
Este site não suporta Internet Explorer. Por favor utilize outro browser da sua preferência.